Twitter do SuperGospel Facebook do SuperGospel

Matérias em destaque



Análise

CD Sobre os montes
(Marcelo Nascimento)

Análise feita pelo colaborador:
Rogério de Oliveira (garotodovale@hotmail.com)
Sobre os montes

Compre este CD agora

Faixas:
1. Sobre os Montes
2. Eia
3. Cura as Feridas
4. Uma Porta Aberta
5. Cantarei Tuas Promessas
6. Ele Luta por Você
7. De Fé em Fé, de Glória em Glória
8. A Vida sem Jesus não Dá
9. Minha Estrela Vai Brilhar
10. Oferta Viva
11. Pra Você Mamãe
12. Uma Estrela Vai Brilhar II
Marcelo Nascimento é um dos mais conhecidos nomes da música gospel pentecostal aqui no Brasil e se destaca por ser um intérprete masculino num segmento dominado pelas mulheres.

O cantor faz parte da segunda geração de cantores da Família Nascimento com nomes como Mattos Nascimento, Rose Nascimento e Tuca Nascimento (o talento aqui está no gene).

Seu mais recente trabalho - o CD Sobre os montes - foi relançado pela Sony Music Gospel com novo projeto gráfico e é um disco importante para sua carreira que aposta no bom estilo pentecostal de ser.

O álbum já começa com a faixa título do projeto. O gênero pentecostal de música é brindado com uma canção que se define bem dentro deste estilo cantado por um intérprete masculino. Os arranjos da canção possuem uma característica pop e o ápice fica por conta de um solo de saxofone depois que o refrão é cantado pela primeira vez. A interpretação de Marcelo é segura, característica já presente dos cantores pentecostais. A letra da canção fala sobre a fidelidade de Deus em breve nos livrar de nossas angustias. E ainda, diz sobre a promessa de sua vinda para nos libertar: “Ele vem andando sobre os montes / Ele vem, já posso ouvir seus passos”.

A segunda faixa, que se chama Eia se inicia com uma introdução de reggae, uma sonoridade surpreendente para um projeto neste estilo. Ficou muito bacana e é interessante de se ouvir. E o reggae continua durante a canção e o desempenho do cantor se enquadra perfeitamente neste estilo. Ouça e perceba que a banda fez com que um sax e um trombone ficassem bem à vontade no estilo alternativo proposto pela canção.

Curas as feridas, assim como a maioria das canções intimistas que falam de cura, vem com um arranjo suave e os violinos presentes fazem bem aos ouvidos: a afinação e o encaixe perfeitos fazem a diferença. A canção não é algo diferente, possui uma levada de fácil percepção enquanto música de adoração em um CD pentecostal. Sua letra, toda num formado de clamor, é bem ao estilo Davi em seus Salmos de suplícios: “Eu não sou feliz / Eu não tenho paz / Me socorre, meu Jesus, já não aguento mais”.

Uma canção animada toma conta da quarta faixa do CD. Uma porta aberta vem com uma base com intervenções de uma guitarra que traz consigo a identidade da música. A música fala sobre a segurança que temos ao entrar pela porta que é Jesus. A segunda parte da canção é uma declaração de amor a Jesus e uma citação do quanto é prazeroso estar em Sua presença.

Cantarei Tuas promessas lembra facilmente aquelas canções congregacionais que são cantadas em igrejas tradicionais. Possui uma letra extensa e com repetições. O arranjo não possui uma levada pop, no sentido comercial de ser, e por isso tende a ser cansativo para quem não curte este estilo. A presença dos metais nesta canção faz ainda mais com que a música tenha este aspecto conservador. Uma ótima opção para se lançar em play-back direcionado aos cantores das igrejas que gostam de cantar acompanhados de PB.

A letra de Ele luta por você é um aperitivo para os admiradores da música pentecostal e o estilo em que ela se desenhou aqui no Brasil ao longo dos tempos. Jesus toma a frente de nossas vidas em todos os momentos, inclusive nos de sofrimento. É disso que a letra da canção fala e fala muito bem! A melodia também revela traços congregacionais e busca referências no louvor e adoração. Destaque para o back-vocal e o saxofone que se fazem presentes durante toda a melodia.

O álbum possui uma característica linear em todas as músicas com um estilo uniforme e uma roupagem parecida em todas as canções. Claro, cada uma a sua maneira. De fé em fé, de glória em glória mostra isso, é a sétima canção do disco e ainda mantém a semelhança com as canções anteriores. “De fé em fé, de glória em glória / Vou caminhando em vitória” é um refrão que fixa já da primeira vez que se ouvir a canção. Com arranjos previsíveis e uma bateria bem marcada, a canção, gravada anteriormente por Rose Nascimento no CD “Uma questão de fé” (2006), segue esta linhagem até o fim.

A oitava canção do CD vem mais animada e com uma gingada que, mesmo não tão intensa, já impressiona. Destaque aqui para o tom alto dos metais e as entradas estratégicas do back vocal; isso sempre traz muito charme e estilo pra qualquer canção. A vida sem Jesus não dá fala justamente sobre isso: é impossível viver sem o criador de nossas vidas. A letra também versa sobre a prontidão que Jesus tem em nos atender em resposta aos nossos pedidos.

Volto a citar uma espécie de junção entre o estilo pentecostal e o louvor e adoração aqui na nona faixa - Minha estrela vai brilhar. Uma estrofe grande, que fala de encorajamento (isso é pentecostal!), junto com um refrão simples, que se repete e insiste em grudar na cabeça de quem ouvir que vai agradar os ministérios de louvor (isso é louvor e adoração, no sentido de gênero). Aqui nesta canção os metais também se sobressaem aos outros instrumentos e seus arranjos se mostram bem marcados. Talvez um rebuscamento de fusão entre base e metais deixasse a canção mais popular ainda.

Aquele estilo romântico dentro do gospel que embalou os anos 90 traz todo este saudosismo na próxima faixa. Oferta viva fala do que pretendemos ser para Jesus: uma oferta viva em que a vontade Dele é que irá prevalecer. Marcelo Nascimento se destaca aqui por sua interpretação muito expressiva onde praticamente canta com a alma. A melodia é suave e aos mais sensíveis é possível chorar.

Pra você mamãe é uma música especial dentro do projeto deste CD. É uma canção temática direcionada a homenagear as mães. A letra é uma singela declaração de amor a quem cuida de nós durante boa parte da vida: “Eu te amo, mãe! / Esteja perto, esteja longe / Não me esquecerei do teu amor”. A característica reflexiva do louvor, que é interpretada apenas com voz e piano remete a um classicismo lindo. Aqui você irá se emocionar.

Por fim, temos uma segunda versão da quarta faixa aqui intitulada Uma porta aberta II. Se na versão anterior, a música veio vestida de uma balada com intervenções de guitarras, aqui já é diferente. O refrão perde sua característica como tal e se junta à primeira estrofe. O arranjo agora ganha uma performance bem tradicional de uma orquestra de cordas e metais, com os metais se sobressaindo. Uma boa sacada esta segunda proposta da canção.

Marcelo Nascimento propõe um projeto bastante comercial dentro de seu estilo e não ousa muito musicalmente. É um bom CD e certamente tende a agradar a todos, despretensiosamente. Num mercado tão competitivo e evidente como o da música gospel de hoje, seria interessante que este projeto se posicionasse um pouco mais com personalidade e originalidade. A parte gráfica do encarte remete simplicidade e não inova. O CD é produzido pelo próprio cantor e isso faz com que sua essência esteja estampada em sua música de uma maneira ainda mais consolidada.


Compre o CD Sobre os montes na loja virtual Gospel Goods

Atenção: As análises são escritas por usuários colaboradores do Super Gospel, e descrevem suas opiniões pessoais. Os comentários e observações não necessariamente refletem as opiniões do site.

Seja social :)

 

Deixe o seu comentário


Siga-nos no twitter

Fique ligado em música gospel: @supergospel

Conheça os lançamentos e promoções: facebook.com/gospelgoods (Loja virtual Gospel Goods)



Conteúdo Top





Parceiro

O Super Gospel, o portal da música gospel, é patrocinado pela loja virtual Gospel Goods
Loja virtual Gospel Goods
Copyright - 2001 - 2018 Supergospel. Todos os direitos reservados.