Twitter do SuperGospel Facebook do SuperGospel

Matérias em destaque



Análise

CD UP - Unified Praise
(Hillsong Worship)

Eduardo de Menezes em 26/04/2005
Para o Super Gospel
Misture a muita unção do Hillsong Music Australia com o som “muito doido” da banda britânica Delirious? e veja no que dá: louvor unificado, e muito! “Durante a Hillsong Conference 2003, Delirious? combinou com a equipe do Hillsong gravar este projeto. Foi uma noite incrível com mais 20 mil adoradores louvando ao Senhor em uma só voz”, lotando o estádio Sydney SuperDome.

A primeira faixa é “Everyday” do álbum For This Cause, uma música bem agitada, sem novos arranjos, mas cantada por Marty Sampson, que declara que é o Senhor quem nos deu vida e que a cada dia andaremos e viveremos pra Ele. Sem parar com a agitação, começa “Free”, já conhecida dos álbuns To The Ends of The Earth e Hope. Pra mim, é uma das melhores.

Logo após já entra uma música bem leve, uma verdadeira entrega ao Senhor: “I Give You My Heart”, solada por Holly Dawson com sua lindíssima voz e escrita por Reuben Morgan. Entregue ao Senhor o seu coração e viva somente para Ele, porque foi através do preço que pagou que nos tornamos livres.

E é a quarta faixa, “Worthy is the Lamb”, que retrata isso; um hino de gratidão ao grande amor de Deus por nós. Dessa vez solada por Darlene Zschech e com a introdução diferente, que nos faz lembrar “Highest” pelo toque da bateria e, ainda, o coral faz um arranjo muito lindo já no final da música.

A faixa 5 emenda com o medley “I Could Sing of Your Love Forever” (que a cantora Aline Barros fez também uma versão) e “God’s Romance”. A ponte da primeira música conta com a voz de Martin Smith que faz a diferença, e a outra é apenas uma frase que diz muito: “Santo é o Senhor”, o nosso Rei... Rei da Majestade. Sem introdução nenhuma, “King of Majesty” volta à celebração já com a banda Delirious? no palco. Muito linda, que fala de alguém que tem um desejo de estar com Jesus, o Rei da Majestade, o Amado das nossas almas.

Vocês conhecem a música “Abra o Coração” do Ministério Filhos do Homem? Pois é, “Did you feel the mountains tremble?”, sétima faixa, é a versão original dessa música, escrita por Martin Smith, vocalista da banda Delirious?. O mais interessante é que no final da música, Martin faz uma ministração e logo um espontâneo que diz: “Nós vamos dançar no rio!” onde convida todos os integrantes da banda Hillsong para dançar no palco.

As quatro últimas músicas também são do Delirious?, ou seja, são as que eu não conhecia. “Rain Down” vem com um estilo agitado e completamente diferente daquele que o Hillsong tem, bem britânico e meio modern worship. Essa canção fala que mesmo nossos corações estando secos, continuaremos cantando ao Senhor pedindo Sua chuva. Quando a música acaba vem outro espontâneo também, dizendo: “Glória, Glória, envia Tua glória”.

A nona faixa, “Majesty (Here I am)”, que aparece no álbum More Than Life do Hillsong United (mas somente o refrão), é uma canção bem leve, e ainda no estilo de adoração moderna. “Majestade, Majestade / Tua graça me encontrou assim como estou / de mãos vazias, mas vivo em Tuas mãos”, é o que diz o coro. O que seria de nós se não fosse o Senhor? Nosso melhor amigo, amigo pra sempre...

“What a Friend I’ve Found” fala da nossa amizade com Cristo, nossa intimidade, que Ele é mais chegado que um irmão. A música começa somente no violão e conforme a música vai passando, ela vai ganhando um peso, e, depois, acabando do mesmo jeito que começou. Destaque no dueto de Darlene e Martin que deixou a música ainda mais linda.

A última música encerra o álbum de uma maneira e com uma música impactantes! “History Maker” tem um título que eu não consigo traduzir de outra maneira que não seja “Fazedor de História”. É a maior trilha do CD, com mais de 10 minutos, com uma ministração e uma “reprise” de “God’s Romance”. Um hino com uma letra perfeita em que o autor diz que quer ser um “fazedor” de história nesta terra, que quer falar da verdade para toda humanidade. É quase indescritível essa música...

Este CD está ótimo! Mas pra quem não conhece Delirious? vai estranhar bastante o estilo deles com o do Hillsong e talvez, a princípio, até não goste de algumas músicas, que nem eu que não tinha gostado das quatro últimas, mas depois comecei a gostar do CD todo. Talvez se a banda fosse tão conhecida no Brasil quanto o Hillsong, nos adaptaríamos melhor ao som do Martin Smith e os outros componentes ingleses da banda. Mas eu jamais deixaria de recomendar este álbum pra quem gosta de ouvir outros e novos arranjos nas músicas desse ministério maravilhoso e conhecer mais uma banda que louva ao nome do Senhor. Não vejo a hora do DVD chegar aqui no Brasil.

Pois é, e eu gostei dessa mistureba, digo, dessa união que fizeram...

Texto revisado por Leone Lacerda.


Compre o CD UP - Unified Praise na loja virtual Gospel Goods

Atenção: As análises são escritas por usuários colaboradores do Super Gospel, e descrevem suas opiniões pessoais. Os comentários e observações não necessariamente refletem as opiniões do site.

Seja social :)

 

Deixe o seu comentário


Siga-nos no twitter

Fique ligado em música gospel: @supergospel

Conheça os lançamentos e promoções: facebook.com/gospelgoods (Loja virtual Gospel Goods)



Conteúdo Top





Parceiro

O Super Gospel, o portal da música gospel, é patrocinado pela loja virtual Gospel Goods
Loja virtual Gospel Goods
Copyright - 2001 - 2018 Supergospel. Todos os direitos reservados.