Oficina G3
 
Ingratidão
Peço força, vejo luta,
O que quero não recebo ou será que não percebo
Os meus braços sempre a frente, o que faço é reclamar,
De onde me vem tanta ingratidão, de onde me vem tanta ingratidão
Seus braços abertos ignoram minha ingratidão, 
agora estou pronto a ouvir
Seus braços abertos ignoram minha ingratidão, 
agora estou pronto a ouvir
Quantas vezes não acreditei em você,
Mas você acreditou em mim
O seu amor tão singular infinito em sua imensidão,

Esta letra foi retirada do site www.supergospel.com.br
Supergospel - O portal da música gospel