Análises

Ouvimos o álbum Resgate, um clássico na discografia do Resgate. Confira nossa crítica

Tiago Abreu em 23/12/15 2160 visualizações

Resgate (CD) 01/97

Avalie e dê sua nota

1 - Liberdade
2 - Pouco importa
3 - E daí
4 - O jantar
5 - Terceiro dia
6 - Antes
7 - No one
8 - Em todo lugar

Na década de 90, o mundo estava de olho no britpop. Mas as bandas de rock do segmento evangélico, com uma imensa dificuldade de assimilarem suas identidades musicais, insistiam no hard rock norte-americano oitentista. O Resgate, em seu quarto trabalho, foi o primeiro a encontrar seu caminho.

Resgate é o nome mais adequado que o álbum poderia ter. A partir dele, todo o som da banda se guiou e as influências britânicas deixaram de ser exceção para se tornar regra. Lançado em setembro de 1997, com produção musical de Paulo Anhaia, o projeto catapultou, também, o amadurecimento lírico do vocalista Zé Bruno, embora quase todas as composições sejam creditadas aos quatro integrantes.

On the Rock foi um disco forte e poderoso, mas Resgate traria uma fórmula completamente diferente. Se opondo às mensagens e regras superficiais do movimento gospel, o trabalho emerge através de Liberdade, com as guitarras e o singular timbre da bateria. Os dois instrumentos não se destacam somente. É a primeira vez, em toda a carreira da banda, em que os hammonds entram em ação. Terceiro Dia, eficiente e rápido rock britânico, é a canção mais alegre de um repertório extremamente sério, clara oposição ao que era comum no disco antecessor.

Pouco Importa e E Daí? parecem se complementar nos discursos. Enquanto uma valoriza a autoafirmação, a outra critica os olhares de julgamento alheio. Cadenciada, Antes aposta em um refrão inocente, mas que funciona. Além da faixa em inglês No One, o trabalho conclui com uma das faixas mais atípicas da banda, a introspectiva Em Todo o Lugar, marcada por seus riffs influenciados pelo blues e uma balada oculta que parece beber da fonte dos Beatles.

De 1997 em diante, o Resgate provou que poderia ser mais do que um grupo com canções pesadas e que variavam entre o humor ou a sisudez. Mais melódico, moderno e criativo, o projeto estabeleceria a maturidade dos quatro jovens paulistas, juntamente com seu produtor Paulo Anhaia, cujos trabalhos na cena nacional se tornaram cada vez mais numerosos e notáveis.
Resgate (CD) 01/97

Avalie e dê sua nota

1 - Liberdade
2 - Pouco importa
3 - E daí
4 - O jantar
5 - Terceiro dia
6 - Antes
7 - No one
8 - Em todo lugar

Tiago Abreu

Jornalista formado pela Universidade Federal de Goiás (UFG), escreveu para o Super Gospel entre 2011 a 2019. É autor de várias resenhas críticas, artigos, notícias e entrevistas publicadas no portal, incluindo temas de atualidade e historiografia musical.


Comentários

Para comentar, é preciso estar logado.

Faça seu Login ou Cadastre-se

Se preferir você pode Entrar com Facebook

Receba as novidades de música gospel diretamente no seu WhatsApp. Seja avisado sobre novos vídeos ou músicas.

Entrar no grupo

Este é um serviço totalmente gratuito e você pode sair quando desejar.