Análises

Supergospel analise o novo cd do Third Day - Move. Confira nossos comentários

Roberto Azevedo em 08/04/11 5858 visualizações
Move é o 10º álbum gravado em estúdio da multi-platinada banda de rock Third Day.

O álbum foi produzido por Paul Moak (Mat Kearney, Martha Wainwright) e chega seguindo o estilo de “Revelations”, que, em 2008, estreou como número 6 na lista Billboard 200 e “Revelations Live” que ganhou o Grammy de Melhor Álbum de Rock Gospel no ano de 2010.

A banda foi criada em Marietta, na Georgia, EUA, durante os anos 90. Atualmente, o grupo é formado pelo cantor Mac Powell, pelo guitarrista Mark Lee, pelo baixista Tai Anderson e pelo baterista David Carr.

O nome da banda (que em português significa "Terceiro Dia") é uma referência bíblica à ressurreição de Jesus Cristo, três dias após a sua crucificação.

O Third Day é uma das bandas cristãs mais populares da atualidade. Destaque para o seu som inconfundível que contém a pegada do folk rock na maioria das canções.

Move foi lançado dois anos após “Revelations”, que foi o primeiro trabalho deles como um quarteto depois que o guitarrista Brad Avery deixou a banda.

Paralelo aos seus lançamentos contínuos, o grupo mantém um projeto iniciado em 2000 com o lançamento de "Offerings: A Worship Album (2000)”.
O primeiro cd, foi uma experimentação, uma resposta aos fãs que queriam que a banda fizesse tanto um cd ao vivo, como um cd com músicas de adoração. Resolveram o problema juntando as duas propostas, o que resultou no cd "Offerings". O que eles não esperavam era o tremendo sucesso do projeto. Com isso, nasceu então o segundo trabalho da série: "Offerings II - All I Have To Give" lançado em 2003.

O que Move traz de melhor em relação a “Revelation” é o fato de incorporar elementos que se destacaram em alguns de seus trabalhos anteriores como “Conspiracy No. 5” (1997), “Time” (1999), “Come Together” (2001), “Wire” (2004) e “Wherever You Are” (2005).

O repertório, constituído por 12 faixas distribuídas em 49 minutos e 37 segundos de música possui uma mensagem que está presente também em todo o cd – esperança para aqueles que passam tempos de desespero em suas vidas.

Lift up your face (Levante seu rosto) foi o primeiro single do álbum. Possui todos os itens necessários para ser chamada de hit: estrofe boa, refrão que fica martelando na cabeça, muita guitarra e um pouco de influência “grunge”. Conta com o suporte do “The Blind Boys of Alabama”, grupo vocal de cegos que ficou famoso por sua participação em álbuns de Bem Harper.

Make Your Move mantém a pegada com o som "southern" das bandas de Seattle. Aqui já podemos destacar o timbre barítono de Marc Powel. Inconfundível.

As canções vão ganhando destaque a cada audição. Children of god (Filhos de Deus) trata sobre adoção e conta com o suporte vocal do “New Hope Academy Childrens Choir” e de uma ótima cobertura de cordas. Este foi o segundo single do álbum e ganhou até um vídeo clipe.

De volta a pressão das 2 faixas iniciais temos Surrender (Rendição). Na primeira parte do arranjo o hino conta com o talento do habilidoso Mark Lee no violão de aço e no final do arranjo possui um envolvente naipe de cordas alternando a condução do hino com as guitarras.

A balada Trust in Jesus (Confie em Jesus) é um hino para incentivar a nossa vida cristã enquanto caminhamos neste jarro de barro. Destaque para a guitarra, que ao invés dos drives, marca presença com slides. Mais um com refrão forte e marcante.

Follow Me There (Siga-me) é conduzida por um piano e por uma batida cadenciada. Destaque para o clima de Coral Black do meio para o final.

Gone é um rock visceral, do tipo que o Pearl Jam poderia adicionar facilmente ao seu repertório. Possui um coro pegajoso e um hammond B3 ao fundo. No final, frases de gaita.

O grupo tem uma facilidade incrível para transformar músicas em hinos e isso se repete em What have you got to lose? (O que você tem a perder?) que é uma balada suave de piano com arranjos orquestrados, em I will Be Your Miracle (Eu serei seu milagre) que é um louvor cativante e envolvente e em Everywhere You Go (Onde quer que você vá) que possui um ritmo bom e um refrão melhor ainda.

A seguir temos um momento intimista com Sound of Your Voice que é um agradável dueto com Kerrie Roberts.

Para fechar o disco o Third Day oferece outro hino de incentivo: Don´t give up hope (Não desista da esperança) é um louvor que deixa para o ouvinte um lembrete de que que há luz no fim do túnel. O louvor é uma forma eficaz de se fechar um álbum forte e consistente.

Recentemente o Third Day foi homenageado com o prêmio de vanguarda da ASCAP (Sociedade Americana de Compositores, Autores e Editores) que reconheceu a banda pelo seu "extraordinário impacto na música cristã".

Eles são o primeiro artista de música cristã a receber o prêmio de vanguarda ASCAP, um dos mais importantes desta associação.
Move

(CD) 11/10


Seja o primeiro a avaliar

Ouça e dê sua nota

Ouças as músicas e saiba mais sobre: Third Day

Veja também no Super Gospel:

Roberto Azevedo

Roberto Azevedo é cristão e membro da Comunidade Evangélica Betel (RJ). É militar e curte música, filmes e games (não necessariamente nesta ordem). É o principal colaborador do SuperGospel desde 2005.


Comentários

Para comentar, é preciso estar logado.

Faça seu Login ou Cadastre-se

Se preferir você pode Entrar com Facebook

Receba as novidades de música gospel diretamente no seu WhatsApp. Seja avisado sobre novos vídeos ou músicas.

Entrar no grupo

Este é um serviço totalmente gratuito e você pode sair quando desejar.