Análises

Olha pra mim (Toque no Altar)

Roberto Azevedo em 20/06/06 107903 visualizações

Olha pra mim (CD) 01/06

Avalie e dê sua nota

1 - Cântico de Davi (Abertura)
2 - Cântico de Davi
3 - Trazendo a Arca
4 - Em Toda Terra
5 - Correndo pros Teus Braços
6 - Olha pra Mim
7 - Me Arrebataste
8 - Tua Graça me Basta
9 - Lembra Senhor
10 - Senhor e Rei
11 - Ser Fiel
12 - O Que Dizer
13 - O Chão Vai Tremer

Toque no altar foi um dos ministérios mais premiados na última edição do Troféu Talento. Além de levar o prêmio de ministério que mais se destacou em 2006, seu 4º disco, Deus de promessas, foi eleito como “Melhor álbum independente”, “Melhor álbum de louvor e adoração” e “Álbum do ano”.

Ronald Fonseca e Davi Sacer foram premiados por suas composições e a canção Deus de promessas foi eleita a canção do ano.

A liderança do Ministério agora está dividida entre Davi Sacer (ex back vocal do Cláudio Claro e Tabernáculo de Davi nos cds “Libertador” e “Regozijai-vos”) e Luiz Arcanjo. A equipe de músicos constitui um ministério de louvor em tempo integral. Na ficha técnica, continua a participação de nomes de ponta da musica evangélica brasileira, e alguns que atuam profissionalmente no meio secular. O pianista Ronald Fonseca (ex - Sergio Lopes), que também assina a produção do disco e atua de forma efetiva nas composições, o saxofonista Zé Canuto (Carlinhos Félix ao vivo, entre outros), o trompetista Jessé Sadock, “sadoquinho”, (Assembléia de Deus São Cristóvão; Ed Mota).

Para honra e glória de Deus Olha pra mim já era disco de Platina antes de ser lançado no Brasil inteiro vendendo 180 mil cópias.

A arte gráfica do projeto é perfeita. Traz uma capa dura, com nuances de marrom, simples, porém linda! Apesar da simplicidade do encarte, que traz todas as letras, temos 11 canções de alto nível.

Uma introdução orquestrada traz uma amostra da qualidade musical que será encontrada nas proximas12 faixas.

Cântico de Davi, de autoria de Luiz Arcanjo, é uma ministração que faz a ponte entre a introdução e a canção Trazendo a arca, que alterna de forma bem festiva os ritmos pop rock e dance. Destaque para a participação do Raiz Coral e para o naipe de metais que desfila por toda música com frases e convenções empolgantes e faz a diferença.

Mantendo o clima pop rock ao lado do empolgante naipe de metais, Em toda terra versa sobre alegria.

Correndo pros Teus braços tem uma pegada mais pop cadenciada pelo contra baixo. “Não há lugar melhor do que a Tua presença e também não há nada neste mundo que se compare a Ti”. Versa sobre buscarmos ao Senhor e sua presença restauradora. Refrigério que devemos cultivar todos os dias.

A faixa título e também música de trabalho nas rádios da inicio a um momento mais contemplativo. Com certeza Olha pra mim vai preencher o repertório dos grupos de louvor de nossas igrejas. A canção, de forma bem poética, faz menção a atitude Zaqueu narrada em Lucas 9.

Me arrebataste dá seqüência a este momento mais contemplativo. Mais uma bela melodia interpretada ao lado das frases de metais e de cordas criadas e executadas com toda excelência que o Senhor merece. No final temos um dueto entre o casal Verônica e Davi Sacer.

Tua graça me basta é a canção que mais gostei. É uma síntese de um tema que esta presente na maior parte das canções: “que eu diminua e que o meu DEUS seja exaltado”. Seus versos, de forma bem poética, fazem menção ao relato bíblico do velho testamento sobre a entrada do Sumo sacerdote no santo dos Santos, que deveria estar cheio de fumaça para que o mesmo não pudesse ter contato com a glória de Deus. Mais um dueto entre os Sacers e outra participação do Raiz Coral dão um toque a mais nesta belíssima canção.

A provisão do Senhor para aqueles que o buscam em Espírito e em verdade é exaltada em Lembra Senhor. Destaque para o naipe de cordas que divide a condução da canção com o piano, principalmente no final da canção quando o ocorre uma ministração.

Senhor e Rei é belíssima em todos os aspectos. O arranjo mantém a qualidade das canções anteriores. A letra mantém a poesia já existente nas canções, com exceção que desta vez o hino exclusivamente de adoração e reconhecimento da majestade de Deus. “Acima de todos, acima de tudo está o Senhor entronizado. Os anjos e os homens, os céus e a terra, montanhas e mares declaram que tú És. Tu És Senhor e Rei, governas sobre o universo. Justo e fiel, vestido de glória e poder, coroado estás. Pra sempre reinarás, prostrados aos teus pés erguemos o teu santo nome. Em adoração nos entregamos a Ti. Toma o Teu lugar e habita em nós”. Destaque a dinamica do vocal e do instrumental na ministração no turn around final.

Ser fiel faz menção ao povo hebreu no Egito que via, literalmente, a provisão de Deus no deserto (maná, codornas, coluna de fogo, nuvem, chão se abrindo a engolindo os rebeldes, água sair da rocha, etc...) e mesmo assim, em sua maioria, não conseguiam se manter fiéis.

Philip Yancey escreveu um livro interessante sobre este tema denominado “Decepcionado com Deus”. Vale a pena dar uma lida.

Voltando a canção, que traz mais uma participação do Raiz Coral, resta-nos as palavras de Jesus a Tomé. “Bem aventurados os que não viram mas creram”.

O que dizer traz um arranjo piano e voz. O acompanhamento feito por Ronald Fonseca é de uma excelência que palavras não podem expressar. Só mesmo ouvindo pra conferir. Glórias a Deus.

A canção versa sobre contrição, entrega e reconhecimento de nossas limitações e incapacidades perante Deus. “Sinceramente, eu não sei, por que me escolhestes pra Ti e que valores Teus olhos viram em mim. Pode alguém como Tu amar tanto alguém como eu e me enviar pra ir em Teu nome”.

O chão vai tremer fecha a gravação da forma festiva como começou. Exalta a volta de Cristo, que veio como cordeiro e vai voltar como leão, advento que é a esperança de vida eterna dos cristãos.

Cristo vai voltar, crê quem quer. “O chão vai tremer, o céu vai se abrir, os anjos de Deus vão descer e subir”. Sonzeira.

Desde 2003, quando gravou Toque no Altar, que foi um dos cds mais elogiados no meio gospel naquele ano, este ministério até então desconhecido no cenário nacional evangélico, tem surpreendido a todos com um repertório diversificado, muito bem arranjado e cheio de qualidade musical e espiritual.
Olha pra mim (CD) 01/06

Avalie e dê sua nota

1 - Cântico de Davi (Abertura)
2 - Cântico de Davi
3 - Trazendo a Arca
4 - Em Toda Terra
5 - Correndo pros Teus Braços
6 - Olha pra Mim
7 - Me Arrebataste
8 - Tua Graça me Basta
9 - Lembra Senhor
10 - Senhor e Rei
11 - Ser Fiel
12 - O Que Dizer
13 - O Chão Vai Tremer

Roberto Azevedo

Roberto Azevedo é cristão e membro da Comunidade Evangélica Betel (RJ). É militar e curte música, filmes e games (não necessariamente nesta ordem). É o principal colaborador do SuperGospel desde 2005.


Comentários

Para comentar, é preciso estar logado.

Faça seu Login ou Cadastre-se

Se preferir você pode Entrar com Facebook

Receba as novidades de música gospel diretamente no seu WhatsApp. Seja avisado sobre novos vídeos ou músicas.

Entrar no grupo

Este é um serviço totalmente gratuito e você pode sair quando desejar.