Twitter do SuperGospel Facebook do SuperGospel

Matérias em destaque



Nádia Santolli fala sobre o relançamento do cd Por toda parte pela Sony Music

André Mattos em 15/04/2011
Para o Super Gospel
Nádia Santolli, depois de 2 anos, relança o cd Por toda parte. O disco, produzido em parceria pela banda Quatro por Um, foi lançado em 2008 de forma independente. O repertório é bem pop, mesclado com um pouco de country.

A cantora que possui uma voz agradável e diferenciada no mercado evangélico, tem 11 anos de carreira, 4 discos e sempre cantou com banda e orquestra, chegando a fazer parte da Orquestra Cristã de Brasília.

Nesta segunda edição, além de ganhar uma nova ordem de músicas, o disco ganha também mais uma faixa: "És Tudo pra mim", totalizando 13 canções, sendo 9 delas de autoria da própria cantora, que tem o costume de compor em seus discos para passar a verdade que tem feito toda a diferença em sua vida.

Supergospel - Quem é a Nádia Santoli?

Sou alguém que é feliz enquanto busco cumprir minha missão, minha vocação, meu propósito. Sou paciente, sou sincera, sou alguém que prefere sempre acreditar que tudo vai acabar bem, afinal, “todas as coisas cooperam para o bem dos que amam a Deus”, diz A Verdade.

Supergospel - O CD “Por toda parte” trouxe algo inédito para o público, que foi a possibilidade de participar da escolha do single. Como você sentiu a participação e envolvimento das pessoas nesse processo?

Gostei demais de contar com a participação dos meus amigos e daqueles que passaram a me conhecer agora. Foi ótimo ouvir deles “tá difícil escolher, todas as faixas são boas!” (risos).

Acredito que dar oportunidade aos fãs (eu gosto de chamá-los de amigos ou parceiros) de participar de uma escolha tão importante como essa, foi muito legal, já que eles são o alvo de nosso trabalho.

Dizer que cantamos e/ou trabalhamos pra Deus é na verdade dizer que nos esforçamos pra tocar, inspirar e abençoar o coração das pessoas, isso agrada a Deus e esse é o nosso alvo, o coração da pessoa e famílias que nos ouvem.

Supergospel - Você já experimentou os dois lados da moeda: estar numa gravadora de grande porte e ser independente. O que difere, na prática, essas duas realidades?

São duas realidades muito diferentes claro, e ter vivido nesses dois contextos dá ao artista uma visão ampla do trabalho, desde a elaboração do repertório, produção, gravação, lançamento, divulgação, etc.

Contudo, a vantagem de poder contar com a gravadora está na divisão de tarefas e responsabilidades, o que possibilita ao artista, poder se aplicar apenas ao seu ofício, manter-se focado no seu desenvolvimento profissional, trabalhar com mais foco o seu dom sem ter que se preocupar em desenvolver o papel de divulgador, empresário e promotor de sua carreira.

Na gravadora, nós artistas, podemos nos especializar e nos concentrar apenas ao que interessa a nós, enquanto outros profissionais dão expressividade ao nosso trabalho no que diz respeito à divulgação e promoção do mesmo.

Graças a Deus hoje eu conto com o meu empresário Luiz Pereira, que merece todo o meu respeito pelo ótimo trabalho que desenvolve cuidando de toda logística da minha carreira, e da Sony Music, com toda sua estrutura de grande gravadora que é.

Supergospel - Quem ficou responsável pela produção do CD? O que você destacaria como os pontos principais desse novo trabalho, quanto à parte técnica?

Por Toda Parte foi produzido em dois momentos. Primeiro no Rio de Janeiro, onde a produção musical ficou por minha conta e da banda Quatro por Um, amigos muito queridos que além de compor o cd em nível de produção, arranjos, também tocaram 12 das 13 faixas do Cd. A faixa de trabalho, “És tudo pra mim”, foi gravada em Brasília pelos músicos da minha banda e produzida pelo Jamba quem também enriqueceu a minha interpretação gravando e me orientando quando da colocação/gravação da minha voz.

Digo que tecnicamente o cd Por Toda Parte é inteligente, criativo, moderno, eficiente, consistente. Todas as faixas se harmonizam em seu conteúdo sonoro e em sua mensagem.

Conseguimos reunir gente talentosa que olha na mesma direção e que gosta de compartilhar os seus dons e não economizar quando o assunto é produção. Todos nós pensamos em fazer algo clean, direto, timbres modernos, frases instrumentais e de voz dialogando sempre e caminhando para o mesmo lugar, notas simples porém inteligentes e funcionais, sem essa de notas tão complexas que cansa até falar o nome.

Prestigiamos o tempo da mixagem desde a primeira versão do Por Toda Parte, com o Bene Maldonado, que mandou muito bem na captação, mix e master. Depois remixamos e remasterizamos com Luiz Pereira, meu empresário, e Ricardo Garcia, que tornou o que já era bom em um produto melhor ainda.

Fizemos toda a produção num clima saudável de alegria, amizade e respeito, e isso com certeza influencia no som que a gente faz em estúdio.

Enfim, o Cd ficou tão bom que despertou o interesse dos amigos da Sony Music em relançá-lo pra dar mais expressão e divulgação ao álbum Por Toda Parte.

Supergospel - Você teve uma passagem pelo Ministério Koinonya de louvor. Conte pra nós como foi esse tempo por lá. O que mais te marcou?

Conheci o Pastor Bené Gomes em uma das gravações do Cd “Unção de Avivamento” e depois disso sempre era convidada pra estar ministrando com eles nas agendas do grupo. Mas foi no disco “Vinho Novo”, que o Senhor disse ao Pastor Bené Gomes que me chamasse pra gravar voz solo, em um dueto com ele, na música “Disponível em Tuas Mãos”, de autoria dele mesmo. Deus orientou assim e confirmou essa faixa abençoando muita gente através das execuções em rádios, tvs e louvor nas igrejas.

Com essa canção a minha voz passou a ser mais conhecida e então fui convidada pela mesma gravadora do Koinonya, na época, pra fazer o meu trabalho Solo, então gravamos o “Antes do Sol Nascer”.

O Koinonya foi e ainda é uma grande benção, fonte de unção e liberação de ministérios. Grandes ministros de louvor do Brasil foram treinados, capacitados e chamados por Deus quando ainda faziam parte do Koinonya. Podemos citar, Pastor Kleber Lucas, Pastoras Ludmilla Ferber e Alda Célia, entre outros.

Supergospel - Quem você pode citar como referência nos campos pessoal, profissional e ministerial? Comente um pouco sobre essas pessoas.

Minhas referências sempre foram pessoas que decidiram assumir a sua vocação, o seu propósito de vida e com isso Deus as abençoa nas diferentes fases de suas vidas.

Na esfera pessoal, minha referência é o Senhor Jesus. Ele foi enquanto aqui na terra muito bem sucedido em tudo por estar constantemente ligado a sua fonte (Aba Pai) e com isso saber quem Ele era e qual a sua missão. Ele, ainda como homem, nunca perdia tempo, em nenhum momento negociava seus princípios e não era vítima das circunstâncias. Sua generosidade, sua bondade, nos ensinou que alguém que não serve aos outros, não serve pra nada. Sua auto-estima nos ensinou que nós não somos o que pensamos, sentimos, ouvimos de outros ou o que diz o noticiário, somos o que o Pai diz que somos, Ele nos criou e nos predestinou pra uma boa obra...Enfim, amo a pessoa de JESUS e quero ser como Ele.

Profissionalmente, presto muita atenção aos meus pais, eles são disciplinados, esforçados, focados, planejados, fiéis a Deus em suas ofertas, gratos pelas vitórias que alcançam. E assim Deus abençoa não somente a eles, mas faz sua benção fluir pra todos lá em casa.

Ministerialmente, tenho como uma grande referência pra mim o ministério de Joyce Meyer. Sua dedicação ao chamado, sua transparência e inteligência ao colocar as palavras, seu senso de humor e, sobretudo, sua obediência a Deus no exercício de sua vocação e propósito, me inspiram.

Supergospel - Quando sobra aquele tempinho, que som você gosta de ouvir?

Gosto de ouvir de tudo um pouco. Dependendo do dia e do momento eu ponho no meu player, soul, r&b, blues, mpb, música instrumental pop ou clássica. Obviamente se percebo que se algum som ou mensagem não me ajuda a construir a pessoa que eu busco ser, eu aperto o “stop” definitivamente. Afinal, você é “o que” e “quem” você ouve. É preciso ter cuidado com o que entra nos nossos ouvidos e desce pra o nosso coração. No caso de Eva...ouviu demais...(risos).

Supergospel - Quais são os contatos para agendas com você?

Convites: E-mail e msn: nadiasantolliagenda@gmail.com
Twitter: @nadia_santolli, @queroconvidarn5
Skype: nadiasantolliagenda
Rio: +55 (21) 8255-2997 e +55 (21) 8606-0666,
Brasília: +55(61) 3010-1012
Baixe Grátis o Novo Single de Nádia Santolli >
"És Tudo pra Mim" http://tinyurl.com/6avlj5g

Supergospel - Pra finalizar, deixe uma mensagem para os leitores do Supergospel.

Eu quero agradecer muito a atenção de vocês a essas minhas palavras. Espero que tenham gostado e que a gente possa ter outras oportunidades tão agradáveis pra compartilhar de boas notícias e do nosso testemunho.

Desejo também que conheçam o cd Por Toda Parte e nos ajudem a expandir essa mensagem de Jesus Por Toda Parte.

SuperGospel, muito obrigada a vocês amigos. Parabéns pelo Sucesso alcançado. Deus os abençoe muito mais!

Grande Abraço a todos, carinhosamente, Nádia Santolli.

Fonte: Supergospel

Seja social :)

 

Deixe o seu comentário


Siga-nos no twitter

Fique ligado em música gospel: @supergospel

Conheça os lançamentos e promoções: facebook.com/gospelgoods (Loja virtual Gospel Goods)



Conteúdo Top





Parceiro

O Super Gospel, o portal da música gospel, é patrocinado pela loja virtual Gospel Goods
Loja virtual Gospel Goods
Copyright - 2001 - 2018 Supergospel. Todos os direitos reservados.