Notícias

Os trinta anos do Banda & Voz

Tiago Abreu em 09/12/15 1443 visualizações

Há trinta anos, chegava às lojas o primeiro disco do Banda & Voz. Formado na cidade do Rio de Janeiro, os integrantes vinham de duas bandas, a Banda Fé (que chegou a gravar um vinil nos anos 80) e o grupo Mensagem. Deles, os jovens Natan Brito, Jolce Brito, Beno César, Sidnei Amaro, Marcos Brito, Aurora Brito, Isma Ciriaco e Samir Fonseca formaram um dos mais longevos conjuntos de música cristã contemporânea.

A popularidade do grupo, na época, foi impulsionada pelas parcerias com o Rebanhão, existentes desde os tempos da Banda Fé. No disco Semeador (1986), lançado pela PolyGram, Natan Brito e Sidnei participaram. Retribuindo, Carlinhos Felix escreveu e participou num dos maiores sucessos da banda, "Falando de Vida". Natan relembra: "Janires e Carlinhos Felix eram meus amigos pessoais e sou fã incondicional do trabalho deles. Rebanhão nos adotou e fez alguns lançamentos da banda. Sou eternamente grato a eles".

Antes de deixar o Banda & Voz e se tornar um dos compositores mais célebres da música cristã nacional, Beno César tocou com o Rebanhão, substituindo Paulo Marotta em alguns shows. No início dos anos 1990, os projetos foram intensos: Dois discos ao vivo no Canecão, carreiras solo de Natan e Beno e o álbum Pra Falar de Amor, lançado em 1992 pela Line Records considerado, por vezes, um dos melhores trabalhos do grupo carioca. "Esse álbum marcou nossa ida para a Line Records. Tivemos condições técnicas para gravar e produzir esse trabalho com bastante calma. Por isso, pudemos pesquisar sons e usar equipamentos que na época eram caríssimos", relembra Natan.

Anos depois, a banda, com formação reduzida para quatro membros (Natan, Jolce, Aurora e Sidnei) passou a fazer parte do cast da gravadora MK Music. Nesta época, Natan e Jolce passaram a trabalhar como produtores musicais e instrumentistas para vários artistas, como Cristina Mel e Marina de Oliveira. No fim da década, a banda produziu dois discos da série Corinhos Inesquecíveis. Os álbuns conteram várias participações especiais, como as de Kleber Lucas, Fernanda Brum, Bruna Karla, Kades Singers e outros.

Após anos de silêncio, o Banda & Voz chegou com novos integrantes e ainda lançou pela Graça Music, em 2005, o álbum Ao Primeiro Amor. Comemorando quase vinte e cinco anos de carreira, foi produzido o seu trabalho de maior sucesso, o ao vivo Nossa História. O trabalho mais recente dos cariocas foi Família (2011). Segundo Natan, o projeto surgiu em uma fase complicada: "Nossa família estava passando por uma turbulência por causa de operação minha de emergência numa hérnia. Foi um CD totalmente concebido em uma época difícil, emocionalmente falando. Sinto que ele ficou dentro do propósito que queríamos. Era para falar com as famílias".

Recentemente, a banda passou por mais um desfalque: Jolce morreu de câncer. As apresentações e trabalhos, no entanto, não pararam. Questionado se o grupo ainda apresentará projetos inéditos, Natan Brito disse: "Já estamos com um trabalho alinhavado, mas tem algumas regravações".

Ouças as músicas e saiba mais sobre:

Veja também no Super Gospel:

Tiago Abreu

Jornalista formado pela Universidade Federal de Goiás (UFG), escreveu para o Super Gospel entre 2011 a 2019. É autor de várias resenhas críticas, artigos, notícias e entrevistas publicadas no portal, incluindo temas de atualidade e historiografia musical.


Comentários

Para comentar, é preciso estar logado.

Faça seu Login ou Cadastre-se

Se preferir você pode Entrar com Facebook

Receba as novidades de música gospel diretamente no seu WhatsApp. Seja avisado sobre novos vídeos ou músicas.

Entrar no grupo

Este é um serviço totalmente gratuito e você pode sair quando desejar.