Análises

Ouvimos o novo álbum de Pr. Lucas - Pintor do Mundo. Confira nossa análise

Tiago Abreu em 08/07/17 2519 visualizações
Ver Acontecer (2014) e Esconderijo (2015) cumpriram rapidamente a missão de tornar Pr. Lucas um nome mainstream no cenário evangélico. Destaque no repertório de vários artistas e de carreira solo estabelecida, Lucas investe na imagem jovem e no arranjo pop rock de suas músicas para garantir o seu espaço.

Pintor do Mundo não acrescenta muitos elementos novos na música do cantor a qual, nos dois trabalhos anteriores, se valeu da parceria com Josué Godoi na direção musical. A produção mantém as interpretações teatrais do cantautor, que acerta em diminuir o timbre áspero em canções de leveza, como Marcas da Vida, mas ainda não alcançou o ápice vocal.

O grande recurso que o cantor utiliza como compositor para não desgastar a sua imagem é relacionar temas humanos com a redenção divina por Jesus, dois aspectos geralmente antagônicos na maioria dos trabalhos lançados no cenário evangélico. Artistas como Anderson Freire, que canta com Lucas em O Plano, não conseguem êxito em tentativas parecidas.

Apesar disso, o repertório do músico tem limitações. Pr. Lucas é um intérprete de canções musculosas e populares. Por isso, Olhe pra Cruz, que possui efeitos e instrumentos de sopro atraentes, demanda vocais mais meigos. De outro lado, o disco traz a impenetrável Onde Deus Está e Me Libertou, esta última cujos arranjos vocais lembram o Toque no Altar de Deus de Milagres (2008). Ambas são mais populares e confortáveis em seu território de músicas limpas e apertadas.

Lucas definiu a proposta do registro como "evangelística", no sentido de trabalhar uma linguagem mais acessível e falar do sacrifício de cruz que é um dos pontos mais importantes para uma música dita cristã. A faixa-título conta com a participação de seu filho e possui os versos mais eficazes. Em outros pontos do projeto, o artista aposta em ideias poéticas, que avançam a comunicação em comparação aos dois anteriores.

Centrado na tensão de acertar e também frustrar, Pintor do Mundo galga e define espaço de Pr. Lucas entre os principais nomes populares do cenário evangélico nesta década. Por outro lado, há desafios para o cantor, o qual precisa de maior prudência e menos ansiedade nas interpretações. Para um artista de somente três discos, Lucas ainda tem tempo e fôlego para alcançar o auge de sua proeminente carreira.

Nota: ★★★☆☆
Pintor do Mundo

(CD) 01/17


Seja o primeiro a avaliar

Ouça e dê sua nota

Ouças as músicas e saiba mais sobre: Pr. Lucas

Veja também no Super Gospel:

Tiago Abreu

Jornalista formado pela Universidade Federal de Goiás (UFG), escreveu para o Super Gospel entre 2011 a 2019. É autor de várias resenhas críticas, artigos, notícias e entrevistas publicadas no portal, incluindo temas de atualidade e historiografia musical.


Comentários

Para comentar, é preciso estar logado.

Faça seu Login ou Cadastre-se

Se preferir você pode Entrar com Facebook

Receba as novidades de música gospel diretamente no seu WhatsApp. Seja avisado sobre novos vídeos ou músicas.

Entrar no grupo

Este é um serviço totalmente gratuito e você pode sair quando desejar.