Análises

Saas Apresenta 2: Ele que fez (Sérgio Saas)

Roberto Azevedo em 09/07/07 29764 visualizações
Em 2006 Sérgio Augusto Aguiar da Silva repete a fórmula que deu certo em 2005. Saas apresenta volume 2 supera o primeiro volume em todos os aspectos. Vários artistas do “mercado” gospel são aqui representados por canções em parceria com Serginho, seja cantando, seja produzindo.

A boa notícia é que a grande maioria são de desconhecidos da mídia e pela qualidade dos trabalhos aqui registrados dá pra perceber que a música gospel esta cada vez mais profissional, nada devendo ao mercado secular. Glórias a Deus!

Na programação visual do trabalho temos mais um competente trabalho do designer gráfico Anderson Novais explorando tons de cinza, deixando o encarte com uma aparência bem atraente.

O repertório inicia-se com Não vou desistir que traz uma cativante interpretação de Saas acompanhado pelo virtuoso violão de Bob Jonathan. A envolvente letra de Célio Rodrigues versa sobre perseverança.

Via dolorosa é um hino americano que foi muito executado pelos batistas tradicionais na década de 80. Esta versão feita por Valdecir Lima traz uma belo dueto realizado entre Serginho e Danilo. O instrumental com toques de orquestração clássica cria o clima perfeito para narrar de forma poética a paixão de Cristo. A faixa faz parte do repertório do disco “Danilo e amigos”.

Eu clamei traz a participação de Marquinhos Gomes na canção de sua autoria. O cantor e saxofonista que foi um dos frutos do Altos Louvores (assim como Eyshila, entre outros) iniciou sua carreira solo com composições que marcaram os anos 90. Canções como “Águas Cristalinas”, “Tudo posso”, “O amor nunca perde”, etc...são tocadas até hoje nas igrejas. Depois de uma passagem morna pela MK, no qual lançou 3 álbuns, Marquinhos está volta a ativa com a pegada de seu início de ministério com o disco independente “Revela a Tua face” gravado ao vivo.

O Link4utro é um dos grupos que conheço que mais mudam de formação. A formação atual conta com Renato (ex-blacknessboyz), Bob Jonathan e Davi Amâncio, além é claro de Saas.

Advento foi gravado com a formação anterior do quarteto que contava na época com a participação de Bob Jonathan, Davi Amâncio e Paulo Zuckini. A canção versa sobre a volta de Cristo, mas ao invés da pegada r & b do cd “Obrigado” (onde a formação era Saas, Scooby, Panthro e Ton Carfi), desta vez ouvimos um grupo bem mais pop e um vocal bem mais reto. Nada de melismas e nada de harmonias vocais “quebrando tudo”.

A pegada black começa a marcar presença nesta canção de Paulo Zuckini, cantor, arranjador, ex-back vocal de Soraya Moraes e membro do Raiz Coral. O teu olhar é uma canção romântica que vem pronta para ser executada em casamentos apesar de ser cadenciada por bateria sequênciada.

A chapa começa a esquentar na faixa título. Ele que fez traz o melhor da união Sérgio Saas – Lito Atalaia. É um hino de reconhecimento da soberania de Deus. As rimas de Lito são muito bem aplicadas e a parte melódica executada por Serginho seguem seu padrão de qualidade. Excelente!

A chapa esquenta de vez na seqüência a seguir. Primeiro temos o Raiz Coral e com Maravilhoso, faixa do álbum “Devolverá”, que tem previsão de lançamento para este ano. O hino mantém a pegada “Kurt Carr Singers” do segundo álbum “Ministério de Louvor Raiz Coral”.

O ministro de louvor Riverson Viana, que tem um estilo “Tonéx” marca presença com Passei. O louvor traz uma pegada “Richard Smallwood” e destacamos aqui a sutileza com que ele usa os fonemas tanto no refrão quanto nas estrofes e para a letra que apesar de curta transmite uma excelente recado de fé.

Vem que tem segue a idéia de “Ele que fez”. Desta vez o rap é discursado com maestria por Mc Dom.

O Coral Kades (Consagrados) existe a 6 anos. Deus está traz o melhor arranjo executado até aqui, tanto vocal, quanto instrumental. Gravado a vera pela banda traz além de Serginho, os vocais de Samuel Sabino do Groove Soul. Realmente show de bola! To doido pra adquirir “Totalmente Seu”, lançado em 2006 do qual esta faixa faz parte.

I Feel good traz a fantástica execução do Communion, quarteto que já fez back para Zezé Di Camargo, Milton nascimento, Gilberto Gil e até Roberto Carlos. Faz parte do terceiro cd do grupo (o primeiro foi secular e os outros 2 evangélicos)

Totalmente a capela nada deixam a dever aos seus similares do outro extremo da América. Vencedores do Prêmio Tim de melhor grupo vocal, acabaram de lançar um álbum totalmente em inglês que será comercializado não só no brasil, mas também em alguns países da Europa.

Pra quem curte funk-soul music, Livre Soul é a banda. Viagem certa dá nome ao cd da banda, também lançado em 2005 pela B2 Records.

Meu Deus é forte é cantada, tocada, produzida, arranjada (ufa!) por Jessé. Canção de exaltação a Deus desse adorador que Deus permitiu entrar na fila dos talentos diversas vezes. :—)

Na faixa 14 Saas apresenta a vocalista Luna, que segundo ele tem potencial “para ir além do que imaginam”. Chega de viver assim é uma canção romântica com pitadas de mpb. O dueto funciona muito bem.

Sandro Guedes com Eloi e Rodrigo Wegner com Só por hoje fecham o repertório do disco. A primeira é um louvor evangelístico que narra o momento e o motivo do sacrifício de Jesus na cruz. A faixa dá nome e faz parte do repertório do cd solo de Sandro lançado pela Saas Music.

A segunda é um r & b com uma forte pitada eletrônica. Numa rápida audição a primeira estrofe lembra um pouco “I believe can fly” do R. Kelly (aquela música do Space Jam), mas em momento algum chega a ser um plágio. A interpretação deste compositor, natural do Chile, é vigorosa e consistente.

Só por hoje é a faixa título do disco que foi lançado em janeiro de 2006 pela Saas Music, com participações de Danilo, Robson Nascimento e Ton Carfi.

A cd termina com 2 instrumentais. Amor incondicional de J. Nunes mistura mpb, jazz, funk e black music. Nota 10.

Fechando com chave de ouro temos um fusion-pop de Jessé intitulado Só queria dizer. Neste hino, mais uma vez, este virtuoso multi-instrumentista só não faz chover. Ouçam e confiram. Música de primeiríssima qualidade.

Para 2007 podemos aguardar muitas novidades de Saas, entre elas a conclusão do seu novo disco solo intitulado Uma revanche, que não será nos moldes de És o meu herói.

As primeiras matérias divulgadas informam que o disco vai trazer muito hip hop, visto o bom resultado obtido nas músicas gravadas em parceria com MC Dom e Lito Atalaia. “Uma Revanche” terá a participações de diversos rappers, como por exemplo, Pregador Luo e Eduardo do Facção Central.

Também comenta-se a gravação de um projeto de duetos, intitulado “Saas, um amigo e um violão”.

Com o suporte a AW Produções, seu selo, Saas Music, já é sinônimo de qualidade. Garantia de que vai se ouvir algo satisfatório, autentico e com conteúdo.

Glórias a Deus!
Saas Apresenta 2: Ele que fez

(CD) 12/06


Seja o primeiro a avaliar

Ouça e dê sua nota

Ouças as músicas e saiba mais sobre: Sérgio Saas

Veja também no Super Gospel:

Roberto Azevedo

Roberto Azevedo é cristão e membro da Comunidade Evangélica Betel (RJ). É militar e curte música, filmes e games (não necessariamente nesta ordem). É o principal colaborador do SuperGospel desde 2005.


Comentários

Para comentar, é preciso estar logado.

Faça seu Login ou Cadastre-se

Se preferir você pode Entrar com Facebook

Receba as novidades de música gospel diretamente no seu WhatsApp. Seja avisado sobre novos vídeos ou músicas.

Entrar no grupo

Este é um serviço totalmente gratuito e você pode sair quando desejar.