Notícias

Novo single de Jolie Kempers incentiva crianças ao louvor: Elas também podem adorar a Jesus

Após sete anos de hiato, a cantora retorna para a cena musical e lança canção com letra de sua autoria ao som de ritmos da África e Israel

Redação em 28/02/21 116 visualizações

A cantora Jolie Kempers lançou nesta terça-feira, 2 de março, o single “Eu Vim Adorar o Rei”. A novidade marca seu retorno após hiato de sete anos em que se dedicou inteiramente ao ministério de sua igreja local. E para este novo momento de sua carreira, Kempers escolheu apostar no louvor/pop como sinal de celebração.

A adoradora assina a composição e afirma que a letra foi resultado de fortes momentos de intimidade com Deus. “Ela reflete minha experiência com o Pai. Para mim, adorar o Rei é um estilo de vida que eu tento trazer como primícia diária, pois tenho experimentado o sobrenatural de Deus na minha vida”, relata.

O contexto de celebração de “Eu Vim Adorar o Rei” é bastante representado pela melodia ao som de tambores, referência que foi um pedido da própria Jolie Kempers por ser apaixonada por instrumentos que remetem a “adoração celestial”, trazendo para a canção um misto entre ritmos da África e Israel.

REFERÊNCIA PARA AS CRIANÇAS

Jolie Kempers acredita que “Eu Vim Adorar o Rei” será uma nova referência para as crianças. A cantora, que também atua na musicalização infantil, entende a importância dos pequeninos terem boas influências. “Acredito que devemos incentivar as crianças e mostrar que elas também podem adorar o Rei Jesus, pois a Bíblia diz que delas saem o perfeito louvor”.

“Eu vejo tanta influência ruim para as crianças na internet. E eu sinto um chamado de Deus para contribuir com isso e levar essa mensagem a elas e aos pais. Não apenas para as crianças cristãs, mas também para qualquer criança”, pontua Kempers.

Influenciada desde criança pelos clássicos da adoração brasileira como Asaph Borba e Vencedores por Cristo, Jolie ainda mescla suas referências com o gospel norte-americano com nomes como Kirk Franklin, Aretha Franklin e Cece Winans. O estilo gospel também acompanha nomes brasileiros apreciados por Jolie, como Álvaro Tito e Kleber Lucas.

Para os próximos trabalhos, Jolie pretende continuar apostando em suas músicas autorais. “Quero continuar levando a adoração à Deus com músicas que remetem a reflexão para que a gente possa viver uma vida cristã com qualidade dentro do que a Palavra de Deus pede pra gente”

MINISTÉRIO JOLIE KEMPERS

O primeiro disco lançado por Jolie Kempers foi o álbum “Gratitude”, no ano de 2013. Mas, segundo a cantora, não foi aí quando seu ministério teve início. “O chamado de Deus aconteceu em minha vida desde o meu nascimento”, diz a adoradora que é considerada por sua mãe como filha da promessa.

Jolie Explica. “A minha mãe perdeu uma criança antes do meu nascimento e ela não se conformava com a morte desse bebê. Ela só se conformou quando Deus lhe disse que daria uma rosa. Então eu fui consagrada ao Senhor e desde muito cedo eu tinha na minha mente o meu chamado. Desde criança eu já me relacionava muito bem com a música, pois na minha casa tinha um arsenal de canções, desde Marina de Oliveira a Cristina Mel. Eu passava o dia cantando”, conta.

Apesar de já entender seu chamado, Jolie Kempers lutava contra o sentimento de inferioridade e enfrentava o descrédito por parte das pessoas. “Tive de aprender em Deus a superar isso”, diz. E mesmo após Deus ter confirmado seu chamado por meio da música, Jolie ainda precisou travar uma batalha contra a depressão depois de engravidar de sua filha. “Tive de mudar para outro estado e tive muitas dificuldades de me adaptar e logo em seguida tive uma nova gravidez. Eu estava com dois bebês e neste tempo foi bastante difícil para mim”, relata.

Quando finalmente Jolie conseguiu vencer a depressão, a cantora passou a se dedicar a servir sua igreja local e outras igrejas. “Não estávamos parados, só não estávamos nos holofortes”, pontua Jolie explicando o motivo de seu hiato na música. “Tive de me dedicar à minha família e à missão da igreja”.

Para finalizar, Jolie conta sobre o que lhe motivou a retornar para o ministério da música. “Quero mostrar o que Deus tem compartilhado comigo e que já está há algum tempo guardado. Pois o cemitério está cheio de talentos mortos e eu não quero ser um talento morto”, encerra.

Eu Vim Adorar o Rei

(Single) 03/21


Seja o primeiro a avaliar

Ouça e dê sua nota

Ouças as músicas e saiba mais sobre: Jolie Kempers

Veja também no Super Gospel:


Comentários

Para comentar, é preciso estar logado.

Faça seu Login ou Cadastre-se

Se preferir você pode Entrar com Facebook

Receba as novidades de música gospel diretamente no seu WhatsApp. Seja avisado sobre novos vídeos ou músicas.

Entrar no grupo

Este é um serviço totalmente gratuito e você pode sair quando desejar.